Marvel criou uma heroína para substituir lendário Thor


22 de Julho, 2014

A Marvel Comics anunciou que uma mulher vai ser a próxima a levantar o “Mjolnir”, o lendário martelo da personagem Thor, uma das principais da editora norte-americana de Banda Desenhada.

"A Marvel apresenta com orgulho a Thor”, assinalou a editora juntamente com uma ilustração da protagonista das novas aventuras do “Deus do Trovão”, que são escritas por Jason Aaron e ilustradas por Russel Dauterman.
Ao comentar esta mudança, calssificada como uma das mais impressionantes e excitantes já realizadas por alguns dos seus “Três Grandes” - Capitão América, Homem de Ferro e Thor -, a Marvel disse que o seu “novo herói feminino surge de forma digna com o nome de Thor”.
Num clima de mistério, a editora também indaga os seus seguidores: “Quem é ela? De onde vem e qual é a relação que tem com Asgard e o Universo Marvel?”. Se a narrativa da Marvel Comics estabelece que aqueles que possuírem o martelo também vão ter o poder de Thor, o editor Will Moss, em nota, diz que “é tempo de actualizar esta questão”.
De acordo com Moss, a nova Thor vai seguir a tradição da Marvel de criar personagens femininas “fortes”, como a Tempestade ou Viúva Negra.
“A nova Thor não é uma substituta temporária, ela é a única Thor”, completou Moss. O argumentista da nova série, Jason Aaron, também realçou que esta nova personagem não vai receber o nome de “Lady Thor” ou “Thorita”. “É Thor, é a Thor do Universo Marvel e nunca se viu nada igual antes”, relatou.
 Com esta nova mudança, a Marvel aumenta para oito os títulos das suas colecções cujas protagonistas são mulheres. “Queremos dirigir-nos directamente a uma audiência que há muito tempo não era alvo dos livros de super-heróis na América”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA