Ministra promete um trabalho contínuo


15 de Setembro, 2014

Fotografia: Rafael Tati

A ministra da Cultura prometeu, na cidade do Huambo, a promoção contínua de acções de promoção, valorização e divulgação de actividades destinadas a elevar a identidade cultural angolana.

Rosa Cruz e Silva, que falava na abertura do Palco Nacional de Dança e Música Tradicional, lembrou que, além da realização regular do FENACULT, o Ministério da Cultura “tem uma agenda cuja finalidade é promover e trazer à tona diversas manifestações, mostrando a diversidade e a riqueza do património cultural angolano”.
Sobre o festival de dança e música tradicional, que terminou ontem, disse ter servido para “os agentes daquelas modalidades artísticas mostrarem o que têm feito em prol da afirmação dos traços culturais de Angola”.
O FENACULT pretende ser ponto de promoção da coesão, unidade e da diversidade cultural de Angola, bem como da preservação e divulgação da identidade nacional.
FENACULT, destinado a homenagear o Presidente José Eduardo dos Santos pelo papel na defesa da angolanidade, empenho e dedicação em prol da valorização e desenvolvimento das artes e da cultura angolana, congrega, entre outras, actividades de teatro, dança, música, artes plásticas e de literatura.
O FENACULT destina-se igualmente a assinalar o 92º aniversário do nascimento do Primeiro presidente de Angola, Agostinho Neto.

Assalto ao palco

Os grupos Katyavala, do Huambo, e Bailado do Jacaré Bangão, do Bengo, abriram no sábado o Palco de Música e Dança Tradicional. Os dois grupos exibiram em palco as raízes da cultura das respectivas províncias.
Os ministros da Cultura, Rosa Cruz e Silva, e da Juventude e Desportos, Gonçalves Muamdumba, assistiram ao espectáculo, que encerrou com a actuação do Ballet Nacional.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA