Cultura

Ministra reconhece espírito de sacrifício

Manuel Albano

A criação de uma nova dinâmica do Entrudo de Luanda, apostando na criatividade e originalidade, continua a ser um dos principais objectivos do grupo União Recreativo do Kilamba.

Ministra da Cultura durante a visita de constatação do grau de preparação aos grupos do Cazenga e Rangel onde apelou ao empenho de todos
Fotografia: Miqueias Machangongo | Edições Novembro

O espírito de sacrifício, abnegação e compreensão demonstrado pelos responsáveis dos grupos carnavalescos da capital foi reconhecido, na terça-feira, em Luanda, pela ministra da Cultura.
  Carolina Cerqueira falava no final de uma visita de constatação do grau de preparação dos grupos carnavalescos União Imbondeiro do Cazenga e Recreativo do Kilamba do Rangel.
Em mensagem de encorajamento, Carolina Cerqueira reconheceu as dificuldades  que os grupos carnavalescos   enfrentam para se preparem para a presente edição do Entrudo de Luanda.
Apesar dos constrangimentos, a governante apelou ao envolvimento de todos para continuarem a manter o Carnaval como maior  manifestação cultural do país.
A escolha do município do Cazenga como o primeiro  local de visita, explicou, deve-se à  nova imagem que a localidade apresenta,  contribuindo para o processo de desenvolvimento da cidade de Luanda, melhorando as infra-estruturas sociais e culturais.
Carolina Cerqueira adiantou que os jovens, por serem os continuadores do processo de crescimento do país, devem continuar a participar com o seu saber na criação de condições para o bem-estar de todos os angolanos.
Sem ser ainda uma das grandes referências dos principais grupos carnavalesco da capital do país, Carolina Cerqueira incentivou o grupo  União Imbondeiro do Cazenga, criado em 2016, a trabalhar mais os aspectos do entrosamento e enquadramento com a música.
O comandante do grupo, Augusto Justino do Santos, disse que a intenção do grupo, que tem no semba a sua marca, é conseguir estar entre os melhores e poder justificar os apoios recebidos da Administração local.
Resgatar e preservar os valores culturais e cívicos mais representativos da municipalidade é a grande aposta do União Imbondeiro, embora, disse Augusto Justino do Santos, que acrescentou que espera um desfile competitivo e que os grupo possam  apresentar-se na sua máxima força para continuarem a dignificar a maior festa popular no país, no desfile do próximo dia 26, na Marginal da Praia do Bispo.

OriginaliTodos os detalhes e pormenores, quanto à indumentária, corte, música, foliões, coreografia, alegoria e falanje de apoio, tem sido preparado à  risca pelos integrantes dos grupo que procuram explorar a capacidade criativa e inovadora de cada um dos elementos, no sentido de se apresentarem no seu melhor.
Esta vontade ficou  expressa no diálogo mantido entre o comandante e presidente do União Recreativo do Kilamba, Poly Rocha, a ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, a vice- governadora provincial de Luanda para área política e socila, Jovelina Imperial, e  a vice-presidente da Comissão Administrativa da Cidade de Luanda, Mara Baptista Quiosa, durante a visita ao “quartel-general” da agremiação, nas imediações do Centro Recreativo e Cultural Kilamba.
Para esta edição de estreia na classe A (adultos), o grupo propõe como tema uma reflexão sobre a conquistas alcançadas pelo povo angolano, fruto da grande capacidade de liderança do Presidente da República, José Eduardo dos Santos.
A proposta da canção “Facetas do nosso país”, interpretada pela cantora e radialista Patrícia Faria, de acordo com Poly Rocha, elogia as conquistas alcançadas pelo país no domínio das infra-estruturas sociais, procurado deixar um legado positivo à nova geração, sobretudo na tentativa de se resgatarem os valores morais e cívicos na sociedade.
Durante a jornada de constatação do grau de preparação dos grupos carnavalescos da cidade capital, a ministra da Cultura tinha agendada para ontem, ao final do dia, uma visita à sede do União Amazonas do Prenda, grupo carnavalesco a ser homenageado nesta edição do Carnaval de Luanda. Para hoje, estão previstas visitas aos grupos Unidos do Zango e União Njinga Mbandi, ambos do município de Viana.

Ensaio geral e técnico

A Marginal da Praia do Bispo acolhe este sábado, às 16h00, o   ensaio geral e técnico do Carnaval de Luanda, que se realiza de 25 a 28 deste mês.
O programa da Comissão Provincial do Carnaval de Luanda refere que para a próxima terça-feira está prevista a realização de um seminário sobre o júri do Entrudo e o lançamento da Revista do Carnaval de Luanda, às 14h00, na Liga Africana.
Para o próximo dia 24, está agendada, às 14h00, a realização do Carnaval de rua, bailes e concurso, em recintos de espectáculos e de recreação de todos os municípios.
A homenagem ao grupo União Amazonas do Prenda e ao investigador Roldão Ferreira, e a entrega dos prémios e lembranças aos grupos vencedores das classes A, B (adultos) e Infantil está prevista para 4 de Março, às 10h00, na Liga Africana.

Tempo

Multimédia