Cultura

“Moçambique” em Almada

Representações teatrais de “Moçambique”, com texto e direcção de Jorge Andrade, e “Bovary”, uma criação e encenação de Tiago Rodrigues, a partir da obra homónima de Flaubert, marcaram quinta-feira a programação do terceiro dia do 34.º Festival de Almada.

Eleito o Melhor Espectáculo de Teatro de 2016 pela Sociedade Portuguesa de Autores, “Moçambique” reconstrói a biografia imaginária de Jorge Andrade, nascido em Moçambique e a viver em Portugal.

Tempo

Multimédia