Cultura

Morreu o Wiza autor de “Mpasi”

Francisco Pedro |

As mortes de familiares, amigos, colegas, vizinhos e pessoas conhecidas, fazem-nos recordar  bons momentos que tivemos em companhia deles. A triste notícia da morte do cantor Wiza, ocorrida sexta-feira, em Luanda, não foge à regra...

Wiza morreu em Luanda vítima de doença
Fotografia: Francisco Bernardo|Edições Novembro

Segundo uma fonte, em declarações à agência Angop, João Sildes Bunga, de nome artístico Wiza, depois de um “mau estar” súbito, foi levado a um hospital de Luanda onde acabou por falecer, uma semana depois da morte do seu pai.
Wiza gostava de conduzir motas rápidas. Muitas vezes, após prolongadas noites de convívio em actividades culturais, na Baixa de Luanda, garantia o meu regresso para o musseque Rangel onde eu vivia. Esta é uma das boas recordações que tenho do autor de “Mpasi”, sem deixar de enumerar as surpresas que nos brindava em palco quer como intérprete e instrumentista quer como dançarino. Numa das entrevistas que concedeu ao Programa “Diálogos Culturais”, da III Trienal de Luanda, defendeu que a formação académica é deveras importante, porque dá luzes ao cantor ou instrumentista, mas que não fique preso aos ensinamentos da escola, para evitar limites de criatividade.  “A minha música também é comercial, aliás, toda a música é comercial, tudo carece de tempo para que o público consumidor se acostume à semelhante das produções de consumo imediato”, defendia.

SAPO Angola

Tempo

Multimédia