Cultura

Morreu Randy Weston a lenda do jazz “afro”

O pianista americano Randy Weston morreu, sábado, em casa, mas até hoje a causa ainda não foi determinada.

Fotografia: DR

Com 92 anos de idade, Randy Weston era considerado uma espécie de embaixador da música africana no mundo, apesar de ter nascido em Nova Iorque, em Abril de 1926, e ter feito carreira nos Estados Unidos ao lado de outras lendas do jazz, como o trompetista Kenny Dorham e o saxofonista Cecil Payne (nos anos 50).
Considerado uma lenda na história do jazz, foi um dos primeiros a reconhecer a contribuição da música africana na formação de géneros “blues”, “jazz” e da bossa nova, brasileira.
Em Agosto de 2014, o pianista actuou na abertura do Festival de Jazz na Fábrica. As últimas performances foram realizadas com o seu grupo de música étnico-africana.

Tempo

Multimédia