Cultura

Mostra sobre Eiffel abre hoje na Trienal

“Gustave Eiffel, o mágico do ferro” é o título da exposição de fotografias e vídeos que a Alliance Française de Luanda e a III Trienal de Luanda inauguram hoje, a partir das 10 horas, no Palácio de Ferro, na Rua Major Kanhangulo, na Baixa da cidade.

A exposição, que fica patente até ao último dia deste mês, reúne um conjunto de mais de 40 fotos e vídeos inéditos apresentando as realizações e o legado do arquitecto nos cinco continentes. Uma série especial sobre a Exposição Universal de 1889 também vai ser apresentada no local. O público pode apreciar a exposição de terça-feira a sábado, das 10 às 21 horas.
Engenheiro, empresário e cientista francês, Gustave Eiffel merece o epíteto de “Mágico do Ferro”, que deixou um pouco por todo o Mundo a marca da sua arte. Além da famosa Torre Eiffel, é responsável por mais de 300 obras, desde a armação da Estátua da Liberdade, em Nova Iorque, à estação ferroviária de Budapeste, passando pelo Viaduto de Garabit, em França, e pela Ponte D. Maria Pia, no Porto, Portugal.

Concerto dos Les Serges

Inserido igualmente na programação da Trienal de Luanda, o grupo Les Serges realiza hoje às 20 horas, no Palácio de Ferro, um concerto de canção francesa, jazz, bossa nova e maloya, numa parceria da Fundação Sindika Dokolo e a Alliance Française de Luanda.
O grupo Les Serges foi criado pelo músico Christophe Hidalgo e é hoje composto por quatro músicos franceses e brasileiros. Em Luanda e no âmbito da III Trienal, a banda vai apresentar também um repertório de maloya, estilo musical e identidade cultural da Ilha da Reunião, com percussões típicas como o rouler, o kayamb e o sati.

Tempo

Multimédia