Museu Nacional de Londres lembra actriz em fotografias


13 de Dezembro, 2014

Um dos mais prestigiados museus de Londres, National Portrait Gallery, anunciou que e prepara uma mega retrospectiva da vida e a carreira de Audrey Hepburn.


Nas fotos expostas é possível acompanhar o início da sua carreira, ainda como corista no West End, Londres, até se transformar num dos ícones de Hollywood, das actrizes mais bonitas dos anos 1950 e 1960.
A exposição lembra igualmente os 65 anos da carreira de dançarina numa famosa casa nocturna da época, o Ciro’s, quando chamou a atenção de fotógrafos e agentes de teatro.
Na altura tinha 20 anos. Pouco depois começaram a surgir os convites para trabalhar no cinema. A National Portrait Gallery já tem à venda os bilhetes da exposição, que é inaugurada apenas em Julho. Audrey Hepburn, das mais destacadas modelo e humanista britânica, eleita em 2009 a actriz mais bonita da história de Hollywood, morreu em 1993. É considerada um ícone de estilo e a terceira maior lenda feminina do cinema, salientou em comunicado o American Film Institute.
Ao longo da carreira participou em vários filmes, com destaque para “Boneca de Luxo” e “Férias em Roma”, com o qual conquistou o Óscar de melhor actriz, além de ter sido nomeada para os Globos de Ouro e BAFTA.
A actriz foi igualmente a quinta artista e a terceira mulher a conseguir conquistar quatro dos principais prémios do entretenimento norte-americano, o Emmy, Grammy, Oscar e o Tony.
No dia 8 de Fevereiro de 1960, passou a ter uma estrela no Passeio da Fama de Hollywood, uma homenagem à sua dedicação e contribuição ao cinema mundial. Morreu em 1993, na cidade de Tolochenaz, Suíça, devido a um cancro do apêndice.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA