Ary é a mais querida dos ouvintes da RNA

Filipe Eduardo| Malanje
6 de Outubro, 2014

Fotografia: Paulino Damião

A cantora Ary, com a canção “Paga que paga”, ao obter 23,87 por cento dos votos, foi a grande vencedora do concurso de música da Rádio Nacional de Angola, o Top dos Mais Queridos, edição 2014, tornando-se a terceira mulher a conquistar o troféu, depois de Patrícia Faria (2003) e Yola Semedo (2010).

A gala de consagração do Top dos Mais Queridos, que este ano homenageou o músico Mito Gaspar e a marimba, realizou-se sábado no Pavilhão Palanca Negra, em Malanje, e foi assistida pelo ministro da Comunicação Social, José Luís de Matos, e pelo governador provincial, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa”.
Yannick, com o tema “Lição de Vida”, ao totalizar 17,25 por cento, e Edy Tussa, com “Monami”, ao somar 17,1 por cento, ocuparam o segundo e o terceiro lugar do Top dos Mais Queridos, respectivamente.  O prémio Revelação Coca-Cola 2014, avaliado em um milhão de kwanzas, foi atribuído ao músico Kiaku Kadafi.
Pela conquista do primeiro lugar a cantora Ary, a classificada, recebeu das mãos do governador de Malanje, Norberto dos Santos, as chaves de uma viatura. Yannick recebeu como prémio o valor de um milhão de kwanzas, e Eddy Tussa recebeu 700 mil kwanzas.
Vestida de macacão branco e com tranças dread looks, Ary foi a primeira a apresentar-se em palco, quando eram 21h18, para os mais de três mil espectadores que lotaram por completo o Pavilhão Palanca Negra.
A vencedora do concurso disse ser uma “grande responsabilidade” e “motivo de alegria e satisfação” conquistar o Top dos Mais Queridos, depois de oito participações consecutivas.
“Vou continuar a dar o meu melhor no sentido de contribuir para a melhoria da qualidade da música nacional”, disse a cantora, que aos 28 anos reconhece ter um longo caminho a trilhar na arena musical nacional e internacional. A menina do Lubango, província da Huíla, agradeceu o público malanjino que vibrou durante a sua actuação com os temas “Betinho” e “Funge na catchupa”. Ary prometeu voltar a cidade de Malanje sempre que for convidada. “Malanje vai estar sempre no meu coração, pois foi aqui onde finalmente consegui vencer o Top dos Mais Queridos”, afirmou.
Yannick dedicou o prémio a todos seus fãs, especialmente aos da terra da Palanca Negra, por quem tem um “carinho muito especial”. “Estamos felizes porque o nosso trabalho está a ser reconhecido por todo o país. A música nacional está de parabéns”, disse.
Eddy Tussa mostrou-se entusiasmado pelo facto de sair em terceiro lugar, pois como disse é um passo importante para qualquer cantor angolano, atendendo à relevância que o Top dos Mais Queridos está a ganhar nos últimos anos no país.
Mito Gaspar disse que a homenagem da Rádio Nacional de Angola traz consigo mais responsabilidades e anunciou o lançamento do seu novo disco para o próximo ano.
“Dedico essa homenagem ao meu falecido irmão Jota Gaspar, que foi meu cúmplice nas lides musicais”, disse.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA