Bonga no Lobito exorta mecenato


4 de Janeiro, 2016

Fotografia: Paulino Damião

Barceló de Carvalho (Bonga) afirmou ontem, no município do Lobito, em Benguela, que vai continuar a primar pelo profissionalismo que mantém ao longo dos seus 43 anos de carreira.

Falando à Angop, no final de uma actuação realizada numa unidade hoteleira do Lobito, Bonga defendeu a expansão da música popular angolana e sublinhou o papel dos mecenas e produtores nacionais.
“Devem ser os empresários a tomar a sua própria iniciativa de apoiar e desenvolver a música, uma vez que o profissional está para corresponder”, defendeu o músico.
Bonga ocupou o palco durante uma hora e meia, interpretando temas de diferentes épocas da sua carreira, como “Diakandumba”, “Camacove”, “Mulemba Xangola”, “Água rara”, “Kaxexe”, “Cabomborinho” e “Marimbondo”.
Com mais de 40 anos de carreira, Barceló de Carvalho, um dos mais prestigiados cantores angolanos, interpretou também os temas “Macongo”, “Ngana Ngonga”, “Homem do Saco”, “Frutas de vontade”,  “Mona”, “Sambila” “Jingonça” e “Mariquinha”. O espectáculo denominado “Réveillon das Estrelas” teve ainda a actuação de C4 Pedro e Ary e outros.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA