Cultura

Cabo Verde Show actua hoje em Luanda

A banda Cabo Verde Show realiza, hoje, às 22h30, na Casa da Música, em Talatona, em Luanda, o primeiro concerto em Angola, depois de quase 40 anos de sucesso nas pistas de dança.

Manu Lima uma das figuras de referência do Cabo verde Show
Fotografia: Edições Novembro


A agenda de umas das mais prestigiadas bandas da música cabo-verdiana reserva ainda dois outros espectáculos: amanhã à mesma hora no supracitado espaço e outro no domingo, no restaurante ‘O Sabor’, também em Talatona, todos por ocasião do 3º aniversário desta casa de promoção da música.
O cartaz integra a participação de Carlos Burity, nos dois primeiros espectáculos agendados para a Casa da Música, num casamento entre o semba e o zouk do arquipélago que estará bem representado.
O conjunto onde pontificam nomes como Boy Gê Mendes (guitarra e voz), Manú Lima (produção, teclados e voz) e René Cabral (voz) traz uma mão cheia de êxitos indeléveis na memória dos angolanos das décadas de 80 e 90 que sempre apreciaram vários ritmos da música cabo-verdiana, com destaque para o zouk.
Os nomes mais sonantes do Cabo Verde Show estiveram individualmente em Angola para outros projectos e como grupo a presença é uma oportunidade para os apreciadores verem e ouvirem de perto uma das principais referências e influências de várias outras gerações da música cabo-verdiana.
Cabo Verde Show é um marco da música cabo-verdiana, que influenciou nomes como Os Livity, Gil Semedo e Splash, disse Estêvão Costa, gestor da Casa da Música, ao Jornal de Angola, para quem “é uma oportunidade para os artistas nacionais partilharem experiências.”
A banda regressa segunda-feira a França, país em que foi fundada em 1978 e onde reside cada um dos integrantes. Boy Gê Mendes, Manú Lima e René Cabral, apesar de descendentes de cabo-verdianos, nunca viveram no arquipélago.
Roque Silva

Tempo

Multimédia