Cultura

Cantor Bambila prepara digressão internacional

Roque Silva |

Bambila inicia, nos próximos meses, numa digressão pelo Brasil onde vai divulgar o seu mais recente trabalho discográfico “Dupla Honra”, editado no ano transacto, visando a internacionalização da carreira do cantor gospel.

Músico Bambila (à esquerda) com Fernando Republicano (ao centro) e o bispo Luiz Salviano subscritores do contrato
Fotografia: João Gomes | Edições Novembro

A informação foi avançada ontem em Luanda, no final da assinatura de um acordo entre a produtora a LS Republicano, que gere a carreira do artista desde finais do ano passado, e representantes da Igreja Evangélica Peniel.
O contrato tem como objectivo promover e divulgar a imagem e a música de Bambila no maior mercado artístico da lusofonia, sob coordenação do Bispo Luiz Salviano, um dos subscritores do acordo.
O bispo garantiu ao Jornal de Angola que há uma agenda de actividades na qual se prevê a participação do compositor e intérprete em eventos religiosos, actuação e venda do CD em concertos em igrejas e espaços abertos em todos os estados do Brasil.
O reverendíssimo Luiz Salviano revelou que algumas canções do álbum “Dupla Honra” já tocam em algumas estações de rádio comunitárias e estaduais brasileiras que promovem música gospel angolana no Brasil.
Segundo o líder religioso, participar na internacionalização da carreira de Bambila é um desafio, por ser um cantor com a missão de expandir a palavra de Deus.
Fonte próxima a Igreja Evangélica Peniel afirmou, por outro lado, haver interesse de uma produtora multinacional disponível a apoiar a divulgação da carreira do cantor angolano em territórios limítrofes ao Brasil, mas o Bispo Luiz Salviano não confirmou a informação.
O director da LS Republicano disse, na ocasião, que Brasil é o país escolhido para dar o pontapé de saída para internacionalização da carreira do cantor Bambila por ser o maior mercado e o maior consumidor do género de música gospel da lusofonia, fruto da ligação pela língua comum que é falada.
Fernando Republicano disse que o artista continua a cumprir com o seu papel, disseminando a palavra de Deus por onde quer que vá, apesar de participar em actividades para além das de carácter religioso. “A igreja não perdeu Bambila. Ele está numa nova fase da sua carreira e continua a cumprir com o papel de promotor dos ensinamentos de Deus”, disse o gestor da produtora LS Republicano.
Bambila revelou ter contactos permanentes nos estados e cidades dos Estados Unidos, Nova Iorque, Neshville (Tennessee), Boston, Houston, Pensilvânia, Washington e Virgínia, em Portugal, França, Londres, África do Sul e Namíbia para a divulgação do disco “Dupla Honra” em espectáculos e sessões de venda e assinatura de autógrafos do mesmo álbum.

Disco “Dupla Honra”

Bambila é uma das vozes mais sonantes da música gospel em Angola, feito que conquistou com a boa aceitação dos primeiros discos, “Hoje Achei”, editado em 2006, e “Há um Deus” (2011). O terceiro disco, intitulado “Dupla Honra”, tem 11 temas gravados nos géneros soul music, r&b, rock e balada, cujas composições transmitem fortes mensagens conciliadoras e de prosperidade, paz, esperança e fé futuro, sugestões para que as pessoas adoptem posturas íntegras, acreditem em Jesus e apostem no trabalho para ultrapassar as dificuldades que enfrentam.
As músicas têm participações vocais do artista congolês Mike Kalambay, dos instrumentistas nacionais Dalú Roger (percussão), Isaú Baptista (viola ritmo), Pedrito (viola baixo), Jota (bateria), Benvindo (teclas), Prazer (técnico), Palmira, Adonis, Guelor, Ermelinda, Estér, Regina, Mila e Miriam (coros).
O álbum foi produzido nos Estados Unidos e teve arranjos do engenheiro de som Gary Pen e do guitarrista Joel Key, sendo a captação, mistura e masterização feita no estúdio Njeto e T, este último do músico João Alexandre, ambos em Luanda.
O tema que dá título ao álbum, lançado em Dezembro do ano transacto, venceu a categoria de Melhor Gospel, na última edição dos Prémios da Música Angolana (Angola Music Awards).
O disco de estreia, “Hoje Achei”, foi considerado o melhor CD gospel nacional, um prémio atribuído pela gala “ML3” que reúne todos as músicas do género gospel de várias denominações religiosas, oito meses depois do seu lançamento.
Manuel Simão, mais conhecido por Bambila, é natural do município do Quimbele, província do Uíge, onde nasceu em 1982. É um dos cantores que está a conquistar o seu espaço musical angolano no estilo gospel, depois de ter começado a dar os primeiros passos da carreira na Igreja Rema, onde teve a formação musical.

Tempo

Multimédia