Cultura

Disco "Vitória" chega sábado ao mercado

Manuel Albano |

Os temas da primeira colectânea “Vitória” do projecto musical “Império Nice” vão ser apresentados no sábado às 20h00, durante um espectáculo, no Centro Cultural do Roseira, na vila de Cacuaco, em Luanda.

Trabalho musical reúne jovens artistas de diferentes estilos
Fotografia: Mota Ambrósio | Edições Novembro

Em declarações ontem ao Jornal de Angola, Father Nice, o mentor do projecto “Império Nice”, do qual fazem parte vários cantores de diversos estilos musicais, disse que parte dos intervenientes esteve desde a semana passada em Moçambique a terminar a produção do disco.
Father Nice explicou que o disco tem 17 temas em semba, rap, r&b, kuduro, afro-house e gospel, gravados em Luanda. Com o apoio do manager Britos e Britos, participaram na colectânea “Vitória” os cantores Ady Fox (kuduro e gospel), Chefe Latagão (kuduro), Rei Titilany (kuduro e afro).
Fazem igualmente parte desta primeira colectânea, os músicos Andrade da Costa (r&b), Nelson Neves e Cota Faísca (semba), Dama Brazuca e Basta Vip (kuduro), grupo FDC (guero zouk), Tio Gui (afro-house), Chancara (rap), Aurora Simão (r&b) e Perauta (kizomba).
Durante as quatro horas de espectáculo de apresentação do disco, disse Father Nice, foram convidados também para animar a actividade os artistas Kalunga Mata, Servo Sapalo e Arquitecto, assim como o grupo Estrela do Cacuaco.
Temas como “Kikuanga no prato”, “Vos deu mal”, “Quem cola come” e “Saudades” são algumas das canções que devem ser tocadas durante a apresentação do disco, garantiu Father Nice.

Tempo

Multimédia