Cultura

Eduardo Paím lança este mês um novo disco

Eduardo Paím anunciou o lançamento, para este mês, em Luanda, da sua décima segunda obra discográfica, com 14 faixas musicais.

Cantor festeja aniversário com álbum
Fotografia: Kindala Manuel | Edições Novembro

O cantor disse à Angop que o CD é uma prenda de aniversário a si mesmo, por ter nascido em Abril.
“Será um disco com surpresas em termos vocais e de participação, mas prefiro não entrar em pormenores”, frisou o cantor, conhecido também por General Kambuengo. 
Nascido a 14 de Abril de 1964, Eduardo Paím é compositor, produtor e intérprete que exerceu uma grande influência no circuito musical angolano na década de 1980, particularmente com o surgimento e divulgação da kizomba.
Com 40 anos de carreira, Eduardo Paím  publicou 11 discos, nomeadamente “Luanda, Minha Banda” (1990), “Novembro” (1991), “Do Kayaya” (1992), “Kambuengo” (1993), e “Kanela” (1994).
Actualmente é o novo embaixador da DSTV,  lançou, ainda, “Ainda há Tempo” (1995), “Mujimbos” (1998), “Maruvo na Taça” (2006), “Kambuengo” (2014), “Etu Mu Dietu” (2015), e “Maruvo Na Taça” (2015). Autor dos sucessos “Luanda Minha Banda”, “Nagibo”, “Ku Tonoca”, “É Tão Bom”, “Mãe”, “Kizombada”, “Boazuda É”, “Esse Muadié”, “Do Kaiaia”, “N'zambi Za”, “Foi Aqui”, “Rosa Baila”, entre outros. Eduardo Paím é dos mais premiados cantores angolanos, tendo na sua galeria troféus como de melhor semba, artista carreira, melhor kizomba, melhor álbum, melhor voz masculina.

SAPO Angola

Tempo

Multimédia