Festival da canção distingue qualidade

Roque Silva |
9 de Setembro, 2016

Fotografia: Kindala Manuel

O Festival da Canção de Luanda continua a apostar na distinção do génio criativo do artista nacional, com a inclusão, este ano, de mais uma categoria referente a uma produção inédita.

A directora do festival disse, numa conferência de imprensa realizada, quinta-feira, em Luanda, que a categoria que distingue a melhor criação é um estímulo aos autores dos temas em concurso.
A produção do Festival da Canção de Luanda pretende prestigiar o esforço da figura do produtor, já que a canção, o intérprete, a composição/letra e a voz são requisitos premiados nas passadas 18 edições.
Os finalistas interpretam temas inéditos, com composições e produções de sua autoria, de artistas consagrados e emergentes, com o suporte de uma banda de músicos angolanos, com direcção musical de Nino Jazz.
A cantora Lípsia concorre com a canção “Tic tac”, enquanto Ely Constantino, com “Kamba kamba”, M Levy, “África yetu”, Agostinho Bernardo, “Iguais”,  Selth Mainsel, “Quarto humilde”, Júlio Torres, “Minha amada”, Armm Ondkamú, “Mbi ya nany”, Lídio Gomes, “Lágrimas”, Branca Celeste, “Twendy kavaly”, e Gomes Williams, “Ndolo ku muxima”.
A rapsódia, que homenageia este ano os caminhos-de-ferro, sob o lema “Nos trilhos da música... um comboio de canções”, é representada por bailarinos do Ballet Tradicional Kilandukilu e por actores de várias companhias de teatro.
Mais de 40 intervenientes, entre os quais músicos que participaram no processo de criação da canção, desfilam no palco, numa viagem por Angola. A direcção artística é de Maneco Vieira Dias e a musical de Livongh.
A gala distingue os vencedores da 19.ª edição Festival da Canção de Luanda, que serão conhecidos no dia 23 do corrente, no pátio da Rádio Luanda Antena Comercial (LAC), em Luanda.
O concurso é realizado anualmente desde 1998, com o intuito de incentivar a criação do género canção, procurando uma simbiose entre o tradicional angolano e o moderno universal (world music), com vista a apoiar o desenvolvimento da criação de originais de qualidade, através da participação dos compositores angolanos, e ajudar a estabelecer a diferença entre compositor (autor) e intérprete.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA