Cultura

Festival musical para apoiar Sebem

César Esteves |

Um espectáculo musical solidário denominado “Estamos Contigo”, para angariar fundos para apoiar o músico Sebem, vai ser realizado no próximo dia 25, a partir das 15 horas, no Cine Atlântico, em Luanda.

Autor do tema “A Felicidade” foi detectado uma doença no sistema nervoso
Fotografia: Kindala Manuel | Edições Novembro

O espectáculo, uma iniciativa do radialista Miguel Neto, tem como objectivo angariar verbas para ajudar o autor de “Felicidade” e “Coveiro Filipado” a realizar novos exames que vão dar lugar a um novo tratamento.
O cartaz do espectáculo vai reunir nomes como Tony Amado, Nagrelha, Puto Prata, Noite e Dia, Bruno M, Namayer, Puto Português, Elenco da Paz, Flor de Raiz, Dicklas One, Titica, Jéssica Pittbull, Cage One, Cef, Kiaku Kiadaf, Zona 5, Ady Cudz, Mona Nicastro, Dream Boyz, Cláudio Fénix e Mário Vaz.
Vão igualmente fazer parte do elenco Puto Mira, 2 Manos, Fofoqueiros do Kuduro, Dj Pedjone, Guma Stor, Beleza, Palancas e os DJ Dias Rodrigues e Malvado. Nenhum dos músicos convidado para actuar no espectáculo aceitou cobrar cachet.
Segundo Edusa Chindecasse, membro da organização, todo o valor arrecado do espectáculo vai ser revertido a favor do músico Sebem. “Diferente do que aconteceu antes, em que as pessoas que se mostraram disponíveis em ajudar o Sebem, mas que depois de angariar os valores solicitados aos seus fãs não deram o devido tratamento, dessa vez vai ser diferente”, garantiu.
De acordo com Edusa Chindecasse, “para que não sejamos confundidos  com essas pessoas e até para mostrar que o nosso objectivo é só mesmo ajudar aquele que um dia já nos proporcionou momentos de muita alegria, com as suas lindas músicas, abrimos uma conta bancária no Banco Sol onde aqueles que se sentirem tocados pela causa vão poder depositar o que tiverem”.
A representante da organização acrescentou que a conta conjunta vai ser gerida apenas por duas pessoas: um padre e uma jurista. “A conta só vai ser movimentada por essas duas pessoas”, garantiu.
Edusa Chindecasse afirmou que os valores arrecadados vão permitir ao músico receber tratamento numa clínica de referência no país para começar um novo acompanhamento clínico.
A também apresentadora do programa “A Sua Manhã”, da Televisão Pública de Angola, disse que se os médicos acharem necessário que o cantor seja transferido para o exterior do país tudo será feito para que isso aconteça. Mas, para o efeito, “é necessário que cada um de nós contribua com aquilo que puder, pois só com os valores arrecadados do espectáculo não vai ser possível”.
Os  interessados pela causa de Sebem podem fazer as suas transferências para o seguinte IBAN da conta bancária do Sol : AOO6004400009160272110128, em nome da jurista Domingas Gaio Guimarães.
Edusa Chindecasse deixa um apelo à sociedade, em geral, e aos fãs do músico, em particular, a fim de participarem no espectáculo e contribuírem com donativos. “Não vamos esperar que o mais difícil aconteça com o Sebem para mostrar o quanto o amamos. O momento é este. Ele precisa de saber que não está sozinho, mas sim com aqueles que o amam”, afirmou. 
A iniciativa surge numa altura em que a classe musical foi fortemente criticada pela sociedade, por verem partir colegas que precisavam de apoio financeiro para receber tratamento médico.
Um dos casos que mais abalou a sociedade foi a morte do músico Nacobeta, que segundo pessoas próximas à família, já tinha alguns recursos, mas eram insuficientes para receber tratamento no exterior do país.  Para que tal episódio não se repita, algumas vozes autorizadas sugeriram aos músicos a realização de espectáculos musicais para apoiar colegas em dificuldade.
Esfilêndio dos Santos, Sebem, de 42 anos, foi operado em Novembro de 2013 no Hospital de Hernanos, em Havana, Cuba, depois de ter sido detectada uma doença no sistema nervoso, denominada neurocisticercose, provocada pela larva Taenia Solium, que pode entrar no organismo através da ingestão de água ou alimentos. 

Tempo

Multimédia