Mercado ganha novos discos

Roque Silva |
30 de Maio, 2015

Fotografia: DR |

A produtora Bom Som apresenta hoje às 08h00, na Praça da Independência, e amanhã às 09h00, no Belas Shopping, em Luanda, os discos  “Mr. Confuso”, de Landrick, e “Upgrade 1.0”, do quarteto Dream Boyz.

Landrick, nome artístico de Landu Samuel Ndombele, estreia no mercado discográfico com o álbum “Mr. Confuso”, cujo tema central das composições é o amor conjugal e ao próximo. Na obra, são retratadas histórias sobre traição, arrependimento e diferenças nos casais.
O disco é composto por sete temas, nos géneros r&b, soul music, gueto zouk e kizomba. “Passaporte para o teu coração”, “Me agarra”, “Fila da Goda” e “Há mulheres e mulheres”, são canções em destaque na obra.
Anselmo Ralph é o autor dos dois últimos temas citados, enquanto os restantes foram compostos por Landrinck, que conta no CD produzido e misturado por Nelson Klassik, no estúdio Atlântico Blue, em Lisboa, e masterizado na Holanda, com a participação vocal da cantora Ary.
Landrick ganhou notoriedade em Portugal, em 2010, ano em que gravou a primeira música, na capital namibiana, Windhoek. Realizou durante dois anos uma digressão em terras lusas, na qual participou de concertos em casas nocturnas e no Meo Arena, bem como nos programas “Praça da Alegria” e “Portugal no Coração”, da RTP.
Venceu a categoria “Melhor Colaboração”, na última edição do prémio Moda Luanda, pela participação na música “Segunda Mão”, do quinteto Zona5.

Regresso aos álbuns

O grupo Dream Boyz regressa ao mercado com “Upgrade 1.0”, uma nova proposta musical para mostrar o que aprendeu durante os dois anos de trabalho, depois do lançamento do disco de estreia “Encaixe Perfeito”. Manda Chuva, um dos integrantes do quarteto, referiu que em “Upgrade 1.0”, que traduzido para português significa “Actualização”, o grupo apresenta composições mais maduras, isso comparadas aos temas do primeiro disco.
Canções de amor, decepção e diversão, realçou Manda Chuva, dominam o repertório de cinco temas, designadamente “Vou Tirar”, “Vou te assumir”, “Já foi”, “Será?” e “Me engana que eu gosto”, esta última com participação de Cleyde das Africanas.
Produzido pelos seus integrantes (Malaryah, Maer, Fill e Manda Chuva), o disco foi gravado nos géneros r&b, rap e zouk, misturado e masterizado por Mike na Rádio Vial, em Luanda. 
Os discos voltam a ser vendidos e autografados nos dias 6 e 7 de Junho, no Ginga Shopping, no município de Viana, e na Centralidade do Kilamba, respectivamente.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA