Músicos agitam Baía de Luanda


17 de Junho, 2014

Fotografia: Eduardo Pedro

As grandes atracções do concerto gospel realizado no sábado, na Baía de Luanda, Fernandinho (Brasil) e Lioth Cassoma (Angola), levaram a plateia ao rubro.

Fernandinho e Lioth tornaram o concerto intenso, com som e luz de qualidade. O brasileiro começou com os seus grandes sucessos, “Nunca serei atingido”, “Alegria do Senhor”, “Tudo é possível ao que crê”, “Tua vontade”, “Nada além do Sangue”, e prosseguiu com outros temas bem conhecidos do público.
Com as mãos levantadas ao céu, algumas com os rostos banhados de lágrimas, as pessoas que se deslocaram à Baía de Luanda cantaram a uma só voz.
A angolana, única africana a concorrer ao prémio Troféu de Ouro no Brasil, dirigiu-se à juventude para declarar que não se conforma com o facto de muitos jovens optarem por um caminho de drogas e prostituição, e exortou-os a abandonarem-no. Com o seu grande tema “Clame”, Lioth Cassoma estimulou os presentes a nunca pararem de orar.
O concerto contou com a apresentação do músico Simão Manuel “Bambila”.

Exortação

Fernandinho exortou os fiéis em Angola a adoptarem a verdadeira conduta que um cristão deve ter e chamou a atenção para os padrões bíblicos.
Segundo o cantor, os fiéis devem fazer uma escolha: ou viver para fazerem a vontade de Deus, ou viver para satisfazerem os seus deleites.
Ao dirigir-se ao público, disse que há pessoas que levantam as mãos em sinal de adoração a Deus, mas que infelizmente não fazem a vontade de Deus. “Deus está à procura de pessoas que resgatem os perdidos. Deus quer ver pessoas que se posicionem radicalmente ao seu lado. Deus não está aqui para te acusar, ele apenas quer que tomes uma decisão”, afirmou.
Fernandinho começou a sua carreira num grupo onde recebeu instrução musical e aprendeu técnicas de canto, após o que criou um conjunto no qual cantava e tocava bateria.
Tornou-se conhecido em 2003, com o lançamento do disco “Faz Chover”, que lhe valeu uma nomeação para o Troféu Talento 2005, na categoria de melhor álbum independente.
Entre os seus álbuns conhecidos constam “Formoso És”, “Geração de Samuel”, “Faz Chover”, “Abundante Chuva”, “Sede de Justiça”, “Uma Nova História”, “Sou Feliz” e “Teus Sonhos”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA