Orquestra Kaposoka actua no Memorial

Roque Silva|
6 de Novembro, 2014

Fotografia: Kindala Manuel

A Orquestra Sinfónica Kaposoka realiza hoje, às 19h00, no Memorial António Agostinho Neto, em Luanda, um concerto gratuito de música clássica, dirigido pelo renomado regente nipo-brasileiro Masayuki Carvalho.

O espectáculo da Orquestra Sinfónica Kaposoka é uma iniciativa da Embaixada do Japão em Angola, que convidou  Masayuki Carvalho para dirigi-lo.
O maestro de renome internacional, proveniente da Alemanha, onde rege várias orquestras, está há duas semanas em Luanda, onde tem efectuado ensaios diários na sede da orquestra angolana, na Escola Sinfónica Kaposoka, situada na Samba.
O recital de música clássica enquadra-se no reforço da cooperação cultural entre os dois países e é fruto de uma satisfatória e activa interacção entre a banda e o regente, tendo em vista o desenvolvimento do talento musical dos jovens estudantes.

Orquestra Sinfónica

Criada a 10 de Outubro de 2008, por Pedro Fançony, a Orquestra Kaposoka conquistou, em 2012, na Argentina, o diploma do Festival Internacional de Orquestras e Coros Infanto-Juvenis. Este ano, a orquestra fez concertos em Espanha, país em que participou na celebração do Dia de África, com concertos em Madrid, Alba de Tormes e Astúrias.
Tem actualmente 620 praticantes, dos quais 55 se apresentam em concertos nacionais e internacionais. A orquestra é maioritariamente integrada por crianças e adolescentes. As suas exibições têm conquistado o auditório internacional, motivo pelo qual tem sido um dos maiores orgulhos de Angola no campo artístico no exterior.

Masayuki Carvalho

Radicado na Alemanha, onde reside há mais de 17 anos, o pianista e regente, nascido no Japão, iniciou a sua carreira como pianista aos 13 anos, solando a Orquestra Sinfónica do Estado de São Paulo. Notabilizou-se aos 15 anos e ganhou atenção, como um novo talento na música clássica brasileira depois de solar em concertos para Piano e Orquestra de Saint-Saens e Chopin, no Festival Internacional de Campos de Jordão. A partir daí, Japão, Suíça, Hungria, Polónia, Itália, Grécia, Espanha, Franca e Alemanha foram os palcos seguintes.
Masayuki Carvalho é graduado em Piano e Teoria, pela Universidade de Freiburg, e em regência orquestral, pela Academia de Música  Hanns Eisler, em Berlim, na Alemanha. Exibe a sua arte musical como maestro há mais de duas décadas, em diferentes orquestras.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA