Própria Lixa é homenageada

Roque Silva |
30 de Outubro, 2015

Fotografia: Dombele Bernardo

A 5ª edição do Festival I Love Kuduro, a ser realizado amanhã, a partir das 10h00, nas instalações da FIL, em Luanda, inclui uma homenagem póstuma a Própria Lixa.

A editora Da Banda, organizadora do festival, em parceria com a Semba Comunicação, informou, ontem, em Luanda, que além das músicas pretendem exibir diversos vídeos com declarações de alguns artistas sobre a cantora, vencedora do Top Kuduro em 2013.
A autora de sucessos como “Sabaló” e “Udam”, destacou a organização, participou nas quatro últimas edições do festival. “Perdemos uma talentosa kudurista e queremos recordar dela com o que mais gostava de fazer: cantar”, comentou Maskarado, um dos 30 artistas convidados desta edição do festival. O cantor Negro Cinco, outro dos kuduristas convidados, disse que o Festival I Love Kuduro tem sido, actualmente, um dos pilares deste estilo no país. O festival, adiantou, é um dos maiores meios de promoção do kuduro. “Caso surjam mais festivais do género o estilo teria mais possibilidades de favorecer a classe, dando também mais espaço aos jovens cantores.”
Negro Cinco acredita que os kuduristas devem estar mais unidos para recuperarem mais espaço e prestígio no mercado nacional. “É preciso transformar o kuduro num género mais abrangente, no qual a maioria dos angolanos possa se identificar”, disse.
Esta edição do festival traz ao palco kuduristas da velha e nova geração, assim como cantores de afro-house, DJ angolanos, com destaque para Ketchup, Gaston e Lutonda e o moçambicano Dilson. Entre os cantores convidados estão Tony Amado, Puto Prata, Bruno M, Cabo Snoop, Rey Loy, Nagrelha, Fofandó, Noite e Dia, Puto Lilas, W King, Pai Latifa, Bruno King, Karliteira, Ira, Dama Ludmila, Flor de Raiz, Bobany King, Dada Dois, Gegé Kuia Bué, Tuga Agressiva, Samara, Mona Star, Dabelza, Game Wala, Nato P3, Zibo Ciborg, Pega Leve, Bebo Clone, Poca Py, Puto Cossa, Mario Rosa, Mira, Lovera.
Os grupos Pilukas, Namayer, The Twins, Fogo de Deus e Manda Chuva, Zé Mamba e Z. Crazy, Os Kalunga e As Planálticas completam a lista de kuduristas.
The Groove, Limas do Sweeger, Maya Zuda, Mestre Dangui e os Banah são os cantores de afro-house que actuam nesta edição.
O espaço é aberto ao público a partir das 9h00, para permitir o acesso sem nenhum constrangimento. Cada bilhete custa mil kwanzas e pode ser adquirido no local da actividade. O I Love Kuduro é um festival dedicado à promoção deste estilo angolano.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA