Talento de Lípsia faz público vibrar

Roque Silva |
9 de Julho, 2016

Fotografia: Kindala Manuel

O talento de Lípsia levou as pessoas, que se deslocaram ao auditório Pepetela, no Camões - Centro Cultural Português, em Luanda, a aplaudirem-na de pé, durante um concerto realizado na quinta-feira.

Lípsia não defraudou a confiança depositada pelos seus admiradores, tendo-se apresentado à altura das exigências de dezenas de espectadores presentes no local.
A cantora e compositora demonstrou qualidade ao interpretar 15 temas em jazz, blues, r&b e soul music, da sua autoria e de artistas estrangeiros.
Com uma voz agradável e com variações nas notas, Lípsia convidou a plateia para uma viagem a diferentes épocas. Apresentou um repertório no qual destacou-se com clássicos da música norte-americana e nacionais.
Com o suporte da sua banda, integrada por Hermenegildo Humba “Manu” (bateria), Ricardo Fernandes “Ricardo” (baixo), Sadrack Cassola “Sadrack” (piano) e Adriano Moreira “Manolo” (guitarra), a cantora e compositora deleitou a plateia com as músicas “At last”, de Etta James, “What’s love got to do”, de Tina Turner, “Nobody’s perfect”, de Jessie J e “Falling”, de Alicia Keys, entre outras.
Lípsia emocionou o público, quando demonstrou os seus dotes de pianista, para recordar e homenagear Liceu Vieira Dias (Ngola Ritmos) e André Mingas. “Monami”, “Manazinha”, “Mufete” e “Jiminina”, no género afro-jazz, valeram aplausos em pé da plateia eufórica, depois de a anfitriã manejar o instrumento de corda.
Lípsia foi o destaque do concerto de sábado passado, realizado no Palácio de Ferro, enquadrado na III Trienal de Luanda, e na Gala da Fundação Lwini, na sexta-feira, em Luanda.
Com uma carreira ainda emergente, Lípsia tem em forja a gravação de um single com músicas da sua autoria e tem ganhado espaço no mercado, em concertos regulares de promoção de novos valores. O seu talento foi reconhecido, recentemente, com a sua nomeação na categoria de Melhor Novo Talento, aos prémios African Entertainers Awards, que distinguem artistas africanos e norte-americanos, cuja gala de entrega de troféus acontece em 22 de Outubro, em Dallas.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA