Cultura

Nguami Maka actua hoje em Macau

Matadi Makola

A orquestra tradicional Nguami Maka actua hoje em Taipa, no centro da cidade de Macau, na China. A convite do governo local e do Instituto Cultural de Macau, a orquestra tradicional representa Angola na 21ª edição do Festival da Lusofonia.

Integrantes do Nguami Maka
Fotografia: DR

Embora o país já tivesse sido representado, em edições anteriores, por outras vozes do mercado musical, Jorge Mulumba, responsável do Nguami Maka, confirmou ao Jornal de Angola que esta será a primeira vez que a organização toma o cuidado de convidar um grupo que evoca a ancestralidade angolana.
O certame ainda reserva, para o dia 6, próxima sexta-feira, um sarau cultural, que envolverá todos os participantes do festival, culminando num debate sobre políticas culturais e a importância da inclusão dos instrumentos tradicionais nos ritmos da actualidade. /> O grupo partiu para Macau no dia 29 do mês passado e prevê regressar na sexta-feira, dia 8.
Oriundo do Marçal, exactamente da Rua dos Coronéis, Nguami Maka é um nome em kimbundu, que, em português, significa “Não Quero Problemas”.
O grupo é formado por jovens convictos em dar continuidade à perenidade de um segmento musical angolano elevado por grupos como Kituxe e Seus Acompanhantes, que é o protótipo dos me-ninos do Marçal. O Nguami Maka foi formado em 2002 e tem nas bancas o álbum “Ngongo”.

Tempo

Multimédia