Novas tendências em mostra de arte


24 de Outubro, 2014

Fotografia: Paulo Mulaza

Um total de 26 peças de arte em azulejo e cerâmica dos artistas Jorge Garcia, Manuela de Freitas e Mónica Pacheco estão expostas desde terça-feira, na Academia BAI, em Luanda.

A exposição, “Artes de eternizar Luanda”, pretende mostrar as várias formas de representar a cidade capital, através dos temas “Banco Nacional de Angola”, “Porto azul”, “Beleza escondida”, “Correio de Luanda”, “Estação da Maianga” e “Luanda antiga”.
As peças retratam igualmente a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, a Mulembeira, o Embondeiro, o Museu da Escravatura, o Palácio de Dona Ana Joaquina, a Baía de Luanda e a Fortaleza de São Miguel.
A artista Mónica Pacheco disse à Angop que o seu trabalho em azulejo mostra os monumentos mas emblemático da capital, para tentar mostrar um pouco da evolução que Luanda tem tido nos últimos anos.
A exposição “Artes de eternizar Luanda” vai estar patente ao público até ao próximo dia 31.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA