Cultura

Obra do poeta português é revisitada

A trajectória literária do poeta português Eugénio de Andrade vai ser revisitada no próximo dia 29 de Outubro, entre às 10h00 e às 12h00,  no Centro Cultural Português, em Luanda, inserido no projecto “Escritor do Mês na Biblioteca Camões”, destinado a  divulgar autores de língua portuguesa.

Fotografia: DR

Na sua nona edição, os apreciadores da literatura da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) têm a oportunidade de conhecer detalhadamente o percurso de um dos maiores poetas da sua época,  pela força lírica e originalidade de expressão, aliada a uma sensualidade pura, ardente e franca.
O Camões diz, em comunicado, que a poesia de Eugénio de Andrade “é densa, sugestiva e celebra os momentos de plenitude da vida em que as mais antagónicas sensações afloram  em formas de rara beleza, transfiguradas e serenas.”
Do conjunto da  obra  ressalta a fusão de várias escolas estético-literárias. Fernando Pessoa chamou-lhe “indisciplinador de almas”.  Uma das suas frases mais conhecidas é “O poeta é incapaz de conter um segredo, acaba sempre por dizer no poema aquilo que queria guardar só para si.”

Tempo

Multimédia