Orquestra Kaposoka abre escola no Zango

Mário Cohen
14 de Dezembro, 2014

Fotografia: Dombele Bernardo

A primeira escola de música Kaposoka, fora do distrito urbano da Samba, é inaugurada amanhã no Zango 3, com o nome de “Núcleo - O Patriota” e capacidade para 350 crianças.

Pedro Fançony, director da orquestra Kaposoka, disse ao Jornal de Angola que o objectivo da nova escola, além de formação musical a crianças entre os 6 e os 14 anos, é preencher-lhes os seus tempos livres.
O “Núcleo - O Patriota” tem seis professores formados, todos da Orquestra Kaposaka.
A Escola de Música Kaposoka tem cinco níveis. Os alunos dos mais avançados são candidatos a seleccionaram nas futuras escolas de música da Orquestra Sinfónica Kaposoka. 
O director e criador do projecto da Escola de Música Kaposoka afirmou que a intenção é expandir o projecto das orquestras infanto-juvenil Kaposokapor todo o país, como sugeriu o Presidente José Eduardo dos Santos.
Pedro Fançony revelou que a instituição que dirige tem condições para em Janeiro abrir escolas de músicas em Cabinda, Cuanza Sul e Cuando Cubango.
O projecto infanto-juvenil Orquestra Sinfónica Kaposoka surgiu em 10 de Outubro de 2008 com a finalidade de combater a pobreza e garantir aulas de música e ética às crianças da Samba.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA