Companheirismo e ganância retratados em peça de teatro


27 de Novembro, 2014

“Ku-kieza” é o título da peça que o grupo Etu Lene, responsável pela realização da “Quinta da Encenação”, apresenta hoje às 20h00, no Centro Recreativo e Cultural Kilamba, em Luanda.

Beto Cassua, director e encenador do grupo, disse ao Jornal de Angola que o regresso da peça àquele espaço, dois meses e meio depois da estreia no “Quinta da Encenação”, se deve a pedidos do público.
A peça, com duração de hora e meia, conta a história da jovem Ku-kiaze, interpretada por Noémia, que revela um segredo à amiga Susana (Marlene), com a promessa de ela não o dizer a ninguém.
 Susana, que fica profundamente chocada com o que houve, não foi capaz de cumprir a promessa e contou o segredo a Nganji (Gracieth).
O encenador disse que com o desenrolar da peça os espectadores podem reflectir sobre a perda de valores, companheirismo e ganância.
Beto Cassua afirmou que o objectivo da exibição das peças é levar as pessoas a reflectirem sobre factos da sociedade.
O grupo de teatro Etu Lene foi fundado em 1993, no Rangel, por um grupo de jovens da capela de S. Luís.  Com a peça “Uiji, uijia”, o grupo ficou em segundo lugar na fase provincial e nacional do Festeatro-95 e venceu a terceira edição do Prémio Nacional de Cultura e Artes.
A apresentação do espectáculo“O feiticeiro e o Inteligente” no programa “Em Cena”, da Televisão Pública de Angola (TPA), permitiu ao grupo tornar-se mais conhecido do público.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA