Cultura

Cristiano Mangovo expõe em Harare

O artista plástico Cristiano Mangovo, que se encontra em residência artística desde o dia 20, na galeria First Floor, em Harare, inaugura na próxima terça-feira, no mesmo espaço, a exposição individual, intitulada “100 Protecção”.

Recentes criações do artista plástico angolano são mostradas na galeria First Floor em Harare
Fotografia: PAULINO DAMIÃO |EDIÇÕES NOVEMBRO

A inauguração da mostra estava inicialmente marcada para a próxima segunda-feira, mas foi alterada por um dia, por questões de ordem técnica, por forma a permitir que a exposição e a residência sejam realizadas individualmente e por tempo indeterminado.
O pintor e escultor, que se encontra no processo de produção de peças, disse ontem ao Jornal de Angola que a sua permanência naquele espaço de arte acontece por tempo indeterminado.
Em entrevista por telefone, Cristiano Mangovo informou que está a desenvolver novos trabalhos contemporâneos, entre os quais quadros e performances que retratam os problemas sociais e políticos que o mundo enfrenta. Chamar a atenção das pessoas para o crescimento dos factores que promovem os conflitos no mundo é o que o artista pretende com essa iniciativa.
Cristiano Mangovo afirmou que está a receber muitas visitas de artistas de várias nacionalidades, sobretudo de zimbabueanos, facto que pode concorrer para a sua integração na restrita lista de criadores pertencentes à galeria First Floor.
Elaborar pesquisas, desenvolver as suas competências artísticas, produzir trabalhos novos, estabelecer novos contactos e convencer o meio contemporâneo são os objectivos do artista angolano.
A presença de pintor angolano na galeria First Floor tem o patrocínio da fundação suíça Prohelvetia Swiss Arts Coucil, com sede na África do Sul, que apoio projectos de artistas, galerias e ateliers dos países membros da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral  (SADC).
A galeria First Floor é um espaço aberto a artistas, promove exposições e realiza festivais, feiras e concursos de arte pelo mundo fora.
Graduado em Pintura, pela Faculdade de Belas Artes de  Kinshasa (RDC), Cristiano  Mangovo tem participado em residências artísticas e realizado exposições no estrangeiro. Participou na Expo Milão em 2015, com uma instalação e performance individual no Pavilhão de Angola, e na VII Bienal Internacional de Gravura do Douro em Portugal.                                                       RS

SAPO Angola

Tempo

Multimédia