Excursão de estudantes à gruta de Santa Sassa

Carlos Bastos | Sumbe
21 de Setembro, 2014

A Direcção Provincial da Cultura do Cuanza Sul promoveu uma excursão à gruta de Santa Sassa, a 12 quilómetros do Sumbe.

Mais de 300  excursionistas, na maioria estudantes do Instituto Superior de Ciências da Educação, alunos da escola secundária do I e II ciclo 14 de Abril,escuteiros e membros do Governo participaram na jornada.
O chefe de departamento da Cultura do Cuanza Sul, Rui Alberto Francisco, disse que a intenção foi promover a gruta de Santa Sassa, uma caverna natural com estalagmites e estalactites.
“É conhecida como Gruta da Santa pelos nativos porque, depois de alguns metros de distância, se nos voltarmos para a sua entrada, ela apresenta semelhanças com a imagem da Sé Catedral de Novo Redondo, com uma beleza fora do normal”, descreveu.
A gruta, com cerca de 880 metros desde a entrada até à zona que dá acesso ao Rio Cambongo, é pouco visitada. Além do fenómeno geológico, o local serve de refúgio a morcegos, andorinhas e outros pássaros de espécies variadas, além de insectos.
A quantidade de dejectos ali depositados formam camadas de guano que pode ser usado na agricultura como fertilizante. A gruta de Santa Sassa é também um poço de mitos que engrandecem a cultura local.
A gruta de Santa Sassa está localidade a aproximadamente três quilómetros da cidade do Sumbe, Cunza Sul, e foi uma das candidatas no concurso Sete Maravilhas de Angola.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA