Cultura

"Paz e liberdade" expõe no camões

Francisco Pedro

“Paz e Liberdade” é o título da exposição de pintura de Nsimba Diongo Domingos, aberta ao público, ontem, no Camões - Centro Cultural Português, em Luanda.

Fotografia: EDIÇÕES NOVEMBRO

A mostra está patente até ao dia 30, e assinala duas datas festivas, o dia 2, aniversário do pintor, e o 25, Dia de África.
O tema da exposição, “Paz e Liberdade”, encerra vários sentidos,  como metáforas da liberdade criativa - composição - dos motivos dos quadros, quanto ao sentido de tranquilidade, segurança ou bem-estar em que (nós) os angolanos ou africanos vivem ou gostariam  de viver.
O pintor socorreu-se da técnica mista acrílico e colagem sobre tela. Embora tenha optado pelo realismo, destacando aspectos sobre anatomia do corpo humano, o fundo (segundo plano) dos quadros apresenta esbatidos e formas (linhas) que se complementam com os motivos principais das telas em sentido paralelo.
Cada quadro apresenta uma cor que sobressai e o cor-po humano domina a maioria das telas.
Em “Desfile”, duas modelos, em grande plano, desfilam com vestidos de tons azuis, e o fundo do quadro confunde-se com a cor dos vestidos.
“Meu guia” mostra o atleta Sayovo, campeão paralímpico, em plena competição guiado pelo seu companheiro de pista, um quadro dominado por tons vermelhos e cambiantes.
 “Paz e Liberdade” retrata a figura da actriz Lesliana Pe-reira, que segura nas mãos quatro balões brancos e está rodeada de pombas brancas, que simbolizam a paz. A parte superior do quadro inclui tons de cinza enquanto a parte inferior tonalidades azuis.

Tempo

Multimédia