Pedrito volta a cantar no Show do Mês


31 de Maio, 2016

Fotografia: Paulo Mulaza

O cantor e compositor Pedro actua sexta-feira e sábado, a partir das 21h00, no espaço Show do Mês, em Talatona, Luanda.

Conhecido como cantor romântico, Pedrito começou a carreira em 1969. Um dos mais proeminentes compositores e intérpretes da Música Popular Angolana.
Compõe em kindundo, a sua língua materna, e em português. Entre os seus temas mais conhecidos destacam-se “Senhor director”, “Avó Béa” e “Massoxi Mami”. Pedro é nome artístico de José Manuel Pedrinho, nasceu em Icolo e Bengo, e fez a primeira actuação no Ngola Cine, numa das sessões do “Dia do Trabalhador”.
Efectuou a primeira digressão internacional em 1982, por seis países do Leste da Europa, com o agrupamento os Jovens do Prenda.
Vencedor do concurso “Top dos Mais Queridos”, da Rádio Nacional de Angola, em três edições, nos anos de 1982, 1984 e 1986, e ficou, por duas ocasiões, em segundo lugar.
Tem três discos no mercado, designadamente “Aleluia”, o primeiro CD da sua carreira (1994), que inclui as canções “Nga Kinga”, “Aleluia” “Vaso quebrado”, “Nzala ya Tula” e “Mulher Mumuíla”.
Em 2003 gravou o CD “Avó Béa”, disco produzido e editado em Angola pelas edições “Pedrinho Produções” e “Mensagens de amor”, introduzido no mercado em Dezembro de 2008. Conta ainda com os singles “Mãe Kuebi”, em 1971 e, um ano depois, surgiu o sucesso “Farrapo Triste”. O single “Comandante Jika” foi lançado em 1976. É a segunda vez que Pedrito participa no projecto, sendo a primeira por ocasião do lançamento do Show do Mês, em 2014, na capital.
No projecto musical Show do Mês já actuaram os cantores Filipe Mukenga, Kyaku Kyadaff, Ricardo Lemvo, Afra Sound Star, Eduardo Paím, Selda, Irina Vasconcelos,  e Gabriel Tchiema.
Lançado em Janeiro de 2014, o projecto é organizado pela promotora Nova Energia, e visa promover a música angolana, os artistas da vanguarda e os jovens com talento, mas com poucas oportunidades de se mostrarem. Em 2014, na primeira temporada, foram organizados 20 concertos. O projecto promove ainda diversidade de estilos e tendências artísticas, a semelhança do “Encontro do Semba”, organizado no ano passado com Calabeto e Dom Caetano em cartaz.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA