Cultura

Phathar Mak realiza espectáculo acústico

Roque Silva

O rapper Phathar Mak sobe, hoje, às 18h00, ao palco da Casa de Cultura Njinga Mbande, no bairro Nelito Soares, distrito urbano do Rangel, em Luanda, para um concerto acompanhado pela sua banda.

Rapper canta hoje na Casa Njinga Mbande
Fotografia: Edições Novembro

O concerto acústico de rap, algo raro entre os cantores angolanos do estilo, está inserido na rubrica “Cantares da Rainha”, do referido espaço de promoção das artes.
Phathar Mak, um dos pioneiros e das maiores referências deste género de música com grande influência nos Estados Unidos, regressa três anos depois aos palcos na qualidade de anfitrião, na companhia de quatro instrumentistas (dois guitarristas, teclista e baterista) e dois coristas. Violinistas da Fundação Obra Bella, instituição que patrocina o concerto, são convidados especiais para um dueto jamais visto em concertos de rap em Angola.
O artista, com uma vasta experiência em palco, vai fazer um périplo pela sua trajectória, iniciada no final da década de 80, ainda como bailarino de breakdance. No início da sua carreira, destaque para canções de intervenção social e política como “Bombas Horríveis”, a segunda gravada em línguas nacionais e um reflexo ao que se vivia em 1991, “Me Desculpem”, “Até Morrer” e mais recentemente “Amizade Acima de Tudo”.

Tempo

Multimédia