Poesia de Lopito Feijó chega ao Camões


6 de Maio, 2016

Fotografia: Paulino Damião

O lançamento da colectânea de poesia “Reuniversos Doutrinários” de LopitoFeijóo realizou-se terça-feira, no auditório Pepetela, no Camões - Centro Cultural Português, em Luanda, no âmbito das comemorações do Dia da Língua e da Cultura Portuguesa na CPLP.   

Nesta obra, o conceituado e consagrado escritor apresenta uma colectânea de poesia, publicada ao longo dos últimos 35 anos (de 1979 a 2015), com alguns poemas inéditos.
Segundo autor, a escolha dos  poemas obedeceu ao gosto dos leitores, manifestado por vários meios, designadamente pela internet. A apresentação da obra foi feita pela escritora Fátima Fernandes, doutorada em Literatura Portuguesa  e Professora na Faculdade de Letras da UAN e na Universidade Lusíada,e pelo conceituado escritor, poeta e jornalista António Fonseca.
Com esta obra, Lopito Feijó quer prestar homenagem a todos os escritores que integraram a “Geração 80”, a que o crítico literário Luís Kandjimbo  chama “Geração das incertezas”, onde figuram  nomes, como António Fonseca, António Panguila, Carlos Ferreira (Cassé), José Luís Mendonça, Conceição Cristóvão, João Melo, Aníbal Simões, Amélia DalombaJoca Paixão, Domingos Ginginha, Luís Kandjimbo, Rui Augusto, João Tala, Frederico Ningi. “Nas primeiras 100 páginas os leitores vão encontrar uma  fortuna crítica com opiniões, juízos críticos e de valor de alguns dos mais prestigiados autores, escritores, estudiosos, críticos e ensaístas das mais longínquas paragens e instituições do mundo onde as literaturas africanas são hoje motivo de referência obrigatória nos meios académico”. No livro, o poeta cultiva  o verso livre demonstrando assim em palco a sua própria liberdade enquanto criador.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA