Poesia traduzida em francês


22 de Março, 2016

Fotografia: Paulino Damião

O escritor Lopito Feijó lançou na sexta feira, no Salão do Livro de Paris, a obra “Coeur Tellurique”, o seu primeiro livro de poemas traduzido para francês.

O autor disse, ontem, ao Jornal de Angola, que a distribuição do livro está garantida para todos os países francófonos.
Traduzido pelo conceituado poeta e professor de literatura comparada Patrick Quillier, o livro foi editado pela Federop editora, tem 107 páginas e o prefácio é assinado por Mwène Okoundji, uma das maiores vozes da moderna poesia congolesa. Na cerimónia de lançamento, o tradutor Patrick Quillier considerou Lopito Feijó como  “herdeiro da palavra ancestral dos griots africanos dos séculos passados e também das grandes vozes da poesia africana do último século”.
Na opinião do poeta congolês Mwuené Okoundji, o poeta e ensaista angolano é autor de um canto que ressoa intensamente sobre os territórios africanos e principalmente de Angola. Testemunharam o   lançamento a conselheira cultural da embaixada de Angola em França, Nicásia Pestle, entre outros funcionários da embaixada.
Estiveram também centenas de escritores que participaram no Salão do Livro de Paris, uma referência da cultura francesa e internacional, nesta edição conta com mais de mil editores,  representantes de 50 países.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA