Prazo da entrega de obras termina em Agosto


12 de Julho, 2014

Os interessados em concorrerem ao Prémio Literário Sagrada Esperança 2014, promovido pela Fundação António Agostinho Neto (FAAN) e pelo Instituto Nacional das Indústrias Culturais (INIC), têm de entregar os trabalhos até 15 de Agosto.

O prémio, cujos trabalhos a concurso são entregues no INIC, patrocinado pelo Banco Caixa Geral Totta de Angola, é de 1,5 milhões de kwanzas, um diploma, um troféu e a edição da obra.
Os interessados, com ou sem obra publicada, podem participar nas categorias de romance, novela, conto, poesia, dramaturgia, ensaio e crónica. O Prémio Literário Sagrada Esperança, uma homenagem a Agostinho Neto, das mais ilustres figuras das letras angolanas,  destina-se, refere o regulamento, “a incentivar a criação literária entre os autores nacionais e a desencadear de forma sistemática uma nova vaga de legitimação discursiva para o conhecimento, consolidação e defesa da angolanidade.
O concurso literário Sagrada Esperança tem igualmente o objectivo “de promover o enriquecimento do imaginário da língua portuguesa através do discurso literário, incentivar o surgimento de novos autores nacionais e assegurar o alargamento de novas obras editadas".  Os concorrentes devem enviar três exemplares das obras num envelope fechado e assinado com pseudónimo, dentro do qual há outro com a identificação completa e fotocópia do Bilhete de Identidade. 
Os textos têm de ser digitados a dois espaços em folhas A4 e assinados com o pseudónimo do autor.  A anterior edição do prémio foi ganha por Adriano Mixinge que concorreu com “O Ocaso dos Pirilampos".
Adriano Mixinge é doutorado em História de Arte pela Universidade de Complutense de Madrid e licenciado pela Universidade de Havana. É membro da Associação Internacional dos Críticos de Arte (AICA) e do Conselho Científico do Ministério da Cultura.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA