Promoção da cultura na Baía

Roque Silva
9 de Dezembro, 2015

Fotografia: Paulino Damião

A divulgação das artes plásticas, do teatro e da música com a realização de sessões de venda e assinatura de autógrafos dos criadores nacionais configuram nos principais propósitos da I Maratona dos Artistas, que se realiza neste sábado e domingo, a partir das 8h00, na Baía de Luanda.

Garantir um maior intercâmbio artístico, com a aproximação dos artistas aos consumidores nacionais e estrangeiros, uma vez que o espaço é  frequentado por turistas, é outro dos objectivos da feira que prevê juntar obras de consagrados e anónimos.
A ideia, segundo a coordenadora e responsável pela iniciativa, é permitir um maior acesso dos seus trabalhos e mostrar o que se produz de melhor nas várias classes das artes plásticas, teatro e música.
A Maratona dos Artistas, referiu  Maria Monteiro “Zinha” ao Jornal de Angola, é um espaço privilegiado e oportuno para os artistas independentes e sem possibilidades mostrarem e venderem as suas obras.
 O programa de actividades tem ainda em agenda a demonstração de artes ao vivo, como a criação de quadros, esculturas e cestaria, e realização de espectáculos de música e de teatro. “O espaço nos foi cedido de forma gratuita, por isso queremos dar liberdade e oportunidade aos artistas de exporem as suas melhores obras”, disse a artista Zinha.
A maratona é aberta a todos os artistas interessados, pelo que devem se inscrever na galaria Humbi Humbi, junto ao Salão Internacional de Exposições (SIEXPO), no distrito urbano da Ingombota. O espaço foi concebido para albergar 160 artistas.
A organização da “Maratona dos Artistas” pretende que a sua regularidade seja trimestral ou semestral, sendo que a realização das próximas edições dependem do balanço desta primeira edição.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA