Cultura

Romance angolano vai à maka na União

A União dos Escritores Angolanos (UEA) promove no dia 17, às 18h00, inserido no projecto “Maka a Quarta-feira”, uma abordagem sobre o tema “Para uma compreensão do romance contemporâneo angolano”, a ser orientado pelo estudioso Joaquim Martinho.

Fotografia: JAImagens | Edições Novembro

De acordo com um comunicado de imprensa da instituição cultural, em análise vão estar os romances “O Vento que desorienta o caçador” (2006), “Teoria Geral do Esquecimento” e “Se o Passado Não Tivesse Asas”, obras de Arnaldo Santos, José Eduardo Agualusa e Pepetela, respectivamente.
A nota da UEA refere que Joaquim Martinho tem a missão de promover uma viagem aos escritos dos três criadores referenciados e que preside a escolha o facto de estes romances, supõe-se, incorporarem no seu compósito laivos de eventos e seres de papel com os quais se pode reler o passado histórico-político angolano, pelo viés da problematização. “Assim, pretendemos discutir as sombras do imaginário nacional , cuja releitura são projectadas pelos diferentes significantes aos quais vamos emprestar o nosso significado”, lê-se no comunicado.
A “Maka à Quarta-feira”  está aberta aos membros da União dos Escritores Angolanos, jornalistas, docentes, discentes de literatura e todas as pessoas interessadas.

SAPO Angola

Tempo

Multimédia