Russel Crow diz saber mais do que muitos consagrados


31 de Março, 2015

Russel Crowe, com mais de 50 filmes, um Óscar pela interpretação em “Gladiador”, além de duas nomeações, afirmou ter mais experiência atrás das câmaras do que a maioria dos realizadores, o que o ajudou a fazer “Promessas de Guerra”.

“Não tenho problemas em roubar ideias”, disse Russel Crowe à agência EFE em Madrid, a onde se deslocou para promover aquele drama sobre a Turquia depois da I Guerra Mundial na Turquia, que estreia em 28 de Maio.
Como actor, declarou, resolvi muitas vezes problemas de realização e a solução que procuro com qualquer grande artista, como Ridley Scott, Ron Howard e Darren Aranofsky, é minha visão pessoal”.
Russel Crow garantiu que foi com Ridley Scott  com quem mais aprendeu em termos de realização.  Como actor foi dirigido por ele em “Gladiador”, “Gangster Americano”, “Robin Hood”, “Rede de Mentiras”.
De Peter Weir (“Mestre dos Mares - O Lado Mais Distante do Mundo”) apreender como se deve escolher a música de maneira a transmitir uma determinada energia.  “Sou como um DJ num clube, tento ajudar os actores a encontrarem o melhor de si mesmo”, referiu Russel Crowe.
Russel Crow já realizara os videoclips da sua própria banda e três documentários, mas a decisão de dar o passo para a ficção foi tomada ao descobrir o argumento de Andrew Knight e Andrew Anastasios.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA