Cultura

Santa Isabel cancela festival

A Amostra de Teatro de Cacuaco (Amosteca), geralmente realizada em Maio, em alusão ao Dia de África, que se comemora no dia 25, foi adiada, sem uma data certa. Organizada pelo grupo Santa Isabel, a Amosteca é uma das principais actividades culturais do município.

Fotografia: DR

Gualdina Sebastião, membro do grupo, explicou que a direcção do projecto está a criar condições para a realização nos próximos meses, “embora já tenha ponderado o cancelamento ainda no período de confinamento”. “A pandemia foi um empecilho muito grande. Normalmente, nos meses de Março e Abril vamos à busca de patrocínios locais, que possam financiar os custos do festival. Como não tivemos esse período, fomos obrigados a cancelar o projecto”, disse.

Com a abertura das salas de teatro marcadas para 8 de Junho, Gualdina Sebastião considera ainda prematuro falar de previsão e datas de um festival, cuja realização carece de tudo.

Para a actriz e gestora do grupo, a ambição é retomar os ensaios e esperar pela normalização das actividades artístico-culturais no país. “Depois iremos atrás de patrocínios. A paralisação, devido ao confinamento social, deixou um vazio financeiro na maioria dos grupos. Estamos sem saber por onde começar. Tivemos um prejuízo enorme. A direcção da Cultura, a nível municipal ou provincial, devia prestar algum apoio ao teatro em Cacuaco, que ainda tem muito a evoluir”, apelou.

Tempo

Multimédia