Cultura

Sociedade deve cuidar do património

Entidades tradicionais, religiosas e sociedade civil de Mbanza Kongo, província do Zaire,  devem promover a conservação da cidade histórica, inscrita na lista do Património Mundial da Humanidade. O desafio foi lançado pela administradora municipal da circunscrição.

Administradora municipal de Mbanza Kongo
Fotografia: Pedro Vidal | Angop

Num encontro de auscultação e concertação com várias entidades tradicionais e religiosas de relevo, e representantes de diversas organizações cívicas, Nzuzi Makiese  apresentou, como medidas de preservação do sítio histórico de Mbanza Kongo, o combate à profanação e vandalização de túmulos no antigo cemitério de Kianganga, proibição de venda de mercadorias em locais impróprios e a retirada do parque de táxis montado defronte ao centro histórico.
A administradora disse que, brevemente, vão ser criados novos parques de estacionamento de autocarros de transporte público intermunicipais e táxis na periferia da cidade, para se evitar congestionamento de viaturas na zona histórica da cidade. “Todos festejamos a inscrição Mbanza Kongo na lista do Património Mundial da Unesco, mas muitos ainda desconhecem a importância desse estatuto, daí o motivo deste encontro para o esclarecimento”, salientou a administradora.
Ao dirigir-se às entidades tradicionais e religiosas e aos representantes de diversas organizações cívicas, o director provincial da Cultura do Zaire, Biluka Nsenga, referiu que a conservação de Mbanza Kongo é umas condições para que se mantenha o título, sob pena de a Unesco retirar em caso de má conservação.
Biluka Nsenga disse, por outro lado, que a conservação e preservação da cidade histórica é uma das prioridades do sector da Cultura, pelo que o seu cumprimento é urgente.  “A população deve evitar a construção de casas nas proximidades dos locais históricos, assim como a não deposição de resíduos sólidos nestas zonas”, disse.
O centro histórico de Mbanza Kongo foi inscrito na lista do Património Mundial a 08 de Julho deste ano, em Cracóvia, Polónia.

Tempo

Multimédia