Célebre peça de teatro é exibida no Kilamba

Roque Silva
4 de Março, 2016

Fotografia: Agostinho Kassoma

O grupo de Nguizane Tuxicane apresenta hoje, amanhã e domingo, às 20h00, no palco da escola 14 de Abril, na Centralidade do Kilamba, o espectáculo  “Cassinda não volta atrás”, um clássico do teatro angolano.

A peça, exibida no âmbito do projecto “Cultura para Todos”, foi escrita por Hermenegildo de Aguiar em 1996 e narra a história de Cassinda, um jovem da localidade do Lunje, no Huambo, que aceita as condições impostas pelo seu sogro Namunda para poder casar com a sua filha.
Namunda exige duas condições para autorizar que a filha Tchifole se case. A primeira é que depois de casado, o genro e a filha devem ir viver na sua casa, e a segunda é que se ele morrer, o genro tinha de ser enterrado, ainda que vivo, na mesma sepultura.
A cena desenrola-se em casa de Namunda, na presença de muitos interessados em se casar com Tchifole. Os pretendentes desistem depois das condições impostas pelo pai, até que aparece Cassinda, rapaz que aceita as obrigações do pai da sua amada. O espectáculo atinge o ponto mais alto com a morte de Namunda, depois do casamento entre Cassinda e Tchifole.
O drama ultrapassou fronteiras em 1998, no programa Em Cena, um projecto de promoção e divulgação do teatro em Angola, da Televisão Pública de Angola.
O  espectáculo volta a ser apresentado no dia 13, no Centro Cultural de Viana, no Zango Dois, no âmbito da expansão do programa “Cultura para Todos”, e na quarta edição do Festival de Teatro do Bié, na cidade do Cuito, de 24 a 26 de Junho,  no qual participam representantes das 18 províncias.
“Cultura para Todos”, uma iniciativa do colectivo Pitabel e da Administração da Centralidade do Kilamba, tem programada para as próximas semanas a exibição dos espectáculos “Cuidado com a boca”, do grupo Amor à Arte, “Hamlet”, pelo projecto Resgarte, e “Roque Santeiro”, do Twana.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA