Grupos de teatro promovem espectáculos

Roque Silva |
4 de Outubro, 2015

Fotografia: Kindala Manuel

O Núcleo Municipal de Teatro de Viana promove aos fins-de-semana, no Cine Kilumba, em Viana, espectáculos dramáticos com a participação de grupos locais, com o intuito de dinamizar a arte de representar.

As exibições estão enquadradas no projecto “Noites de Teatro”, iniciado a 19 de Setembro.
O referido núcleo, criado em Setembro para preparar as eleições da Associação Municipal de Teatro de Viana, tem aberto o período de apresentação de candidaturas aos órgãos dirigentes daquela instituição.
Dois candidatos à Presidência, entre os mais de 30 grupos inscritos na Secção Municipal da Cultura de Viana, já formalizaram a sua candidatura ao cargo.
A iniciativa “Noites de Teatro” foi inaugurada pela companhia Jovens Renovadores, com o espectáculo “Pago pela mesma moeda”.

“O passaporte da Morte”


O grupo Nkaylo estreia hoje, às 19h45, no Cine Kilumba, em Viana, o espectáculo “O passaporte da Morte”, enquadrado no projecto “Noites de Teatro”.
O drama, disse o autor e encenador do grupo Domingos Paposseco, retrata a história de um homem que quer atingir o sucesso, inclusive a felicidade eterna, através de forças ocultas.
O quinquagenário, revelou Domingos Paposseco, perde a esposa numa viagem e começa a duvidar da existência de Deus. O viúvo fica convencido que pode ressuscitar a esposa, o que o leva a procurar um kimbandeiro.
Domingos Paposseco explicou que a peça foi escrita para mostrar que é necessário trabalhar para obter bens materiais e ter fé para alcançar a felicidade.
“A nossa proposta surge por notarmos que muitas pessoas estão a perder a fé e têm cometido muitos erros, como por exemplo, procurar a felicidade por caminhos ocultos. É uma prática errada que requer a atenção de todos. Portanto decidimos usar o teatro como um meio de ensinar e sensibilizar as pessoas sobre os seus riscos”, disse.
A peça é representada pelos actores Adelaide Sebastião, Manuel Cassule, Vidal David, Zaida Relógio e Abílio Vicente.
“A inveja”, “A fofoca do kimbo”, “A esperança do amor” são outros espectáculos do grupo da Igreja São Francisco de Assis, em Viana, que surgiu com a denominação Vocacionado, tendo mais tarde trocado para Nkaylo, expressão em kikongo com o mesmo significado.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA