Peça "O cafezal" regressa à trienal


28 de Julho, 2016

A companhia de teatro Oásis, da Força Aérea Nacional (FAN), volta a apresentar hoje às 20h00, no palco do Palácio de Ferro, sede da III Trienal de Luanda, o espectáculo “O cafezal”, que narra vários assuntos ainda considerados tabus em diversas localidades do Uíge.

Uma semana depois da primeira exibição na sede da Trienal de Luanda, o grupo regressa ao mesmo local para apresentar o mesmo espectáculo, cujo enredo assenta em aspectos ligados aos usos e costumes do povo da região do Norte de Angola.
O espectáculo, com entrada livre, aborda conflitos provocados pelas mudanças sociais e culturais. Os actores Fernando João (Mucesse), Herbet Lima (Feduna), Israel Missi (Inamuana), Cecília Fila (Brancura) e Fernanda de Carvalho (Glória) dão vida ao enredo escrito por John Barata e encenado por António Flor.
A directora-adjunta da companhia Oásis, Maria Isabel, afirma que grande parte das histórias encenadas pelo grupo procura mostrar a aproximação e a colisão existente entre o tradicional e o moderno, numa metrópole em reconstrução.
Maria Isabel disse ainda que “O cafezal” pretende revelar “outras referências evolutivas do estado actual da sociedade angolana.”
Vencedor do prémio nacional de Cultura e Artes, edição 2014, o Oásis existe há 28 anos, 19 dos quais integrado na Brigada Artística da Força Aérea Nacional (BAFAN). O grupo é formado por 27 elementos e tem no seu reportório mais de 50 espectáculos de teatro apresentadas.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA