Relações conjugais nos palcos do Bengo

Manuel Albano|
16 de Agosto, 2014

Fotografia: Cedida pelo Grupo

“Um botão e duas casas” é o título da comédia sobre relações conjugais na sociedade moderna luandense, vista a partir de três opiniões diferentes, que é apresentada amanhã, às 20h00, no Centro Cultural Vissapa II, no Bengo, pelo colectivo Ekuikui II.

A peça de 45 minutos, que estreou no Festival da Paz deste ano, faz uma análise sobre o problema da bigamia praticada por António (Toni), numa sociedade que cada vez mais está a perder os seus valores culturais.
O actor e porta-voz do grupo, Jaime Joaquim, disse ontem ao Jornal de Angola que, na peça, António vive com duas mulheres, Madó e Matilde, mas é constantemente importunado pelo vizinho, Man Ribas, que tenta a todo o custo conquistar uma delas. Jaime Joaquim explicou que o grupo tenta, com esta peça, mostrar as dificuldades que as mulheres enfrentam ao dividirem o afecto do mesmo parceiro. “Esta peça reprova a vida que muitos homens levam nesta ‘pseudo’ sociedade moderna, através de um estilo de vida cada vez mais difícil de gerir”, disse. O grupo , referiu, está em digressão pelas províncias de Malange, Cuanza Norte, Benguela e Cuanza Sul. “Estamos a exibir esta mesma peça nessas províncias, a convite de alguns grupos locais que pretendem trocar experiências e realizar algumas oficinas”, adiantou.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA