Teatro contra a droga chega ao Cazenga

Mário Cohen |
23 de Setembro, 2015

Fotografia: Miqueias M.Machangongo |

O teatro como meio para incentivar o combate contra  a  droga, especialmente entre os estudantes, é o foco de um projecto de artes cénicas, que é realizado a partir de hoje, às 10h00, no município do Cazenga, em Luanda.

O projecto, realizado pelo Instituto Nacional de Luta Antidrogas (INALUD), começou a semana passada no município do Sambizanga. A partir de Hoje, adiantou a directa da instituição, o projecto inclui os estudantes do Cazenga. “Depois pretendemos chegar até Viana, Icolo e Bengo e Quiçama, município onde termina a primeira fase”, disse Ana Mamede Graça, que destacou que o objectivo deste projecto artístico é divulgar mais as consequências que as drogas têm no desenvolvimento psico-social dos jovens e simultaneamente no de toda a Nação.
“É preciso cuidarmos dos jovens e os ensinar princípios mais próximos da realidade e da identidade nacional, para garantir o melhor desenvolvimento do país, em especial nesta fase em que a globalização têm tido uma influência negativa neles”, apelou.
O festival, denominado “Teatro no presente, Futuro sem drogas”, termina no dia 10 de Novembro e inclui todos os municípios de Luanda. O projecto, explicou Ana Mamede Graça, tem o apoio do Programa das Nações para Desenvolvimento (PNUD). “Hoje apenas os alunos da escola 3.043, do Cazenga, vão apresentar as suas peças. Depois cada um dos espectáculos é analisado por um júri. Vamos ainda incluir as peças das 2.044, 3.055 e 3.046”, aclarou.
A maioria dos temas a ser  apresentados são de intervenção social, “com a finalidade de impedir a propagação de um mal, como as drogas, que tem ganho uma proporção alarmante actualmente na sociedade angolana”. Ana Mamede Graça revelou ainda que a segunda fase está projectada para ser de âmbito nacional. “Estamos a criar condições para ir ao encontro dos estudantes das escolas de diferentes províncias”, concluiu.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA