Cultura

Trio vendeu mais de mil cópias do CD “Trombeta”

Mário Cohen

O grupo Alaridos vendeu no sábado mais de mil cópias do segundo disco da carreira intitulado “Trombeta”, durante uma cerimónia realizada na Praça da Independência, em Luanda.

Integrantes do grupo que autografou na Praça da Independência
Fotografia: Eduardo Pedro | Edições Novembro

O álbum comporta 15 te-mas de hip hop, com mensagens evangélicas, tendo contado com a participação de músicos de gospel, com destaque para Bambila, Bijú, Marvim, Kark, Rui Last e Bru-no Banda TVC.
O disco está agora disponível na livraria Prazer de Ler para os fãs do grupo que não tiveram a oportunidade de adquiri-lo na Praça da Independência.
“Trombeta”, que dá título ao CD, “Fé Independente”, “Quem me dera voar”, “Com a Bíblia na mão”, “Pastor mudado”, “Diário da irmã”, “Já estou instruído”, “Não somos daqui”, “Crente zungueiro”, “Estilos musicais”, “Senhor Morte”, “Quando bem cruza os braços”, “Desliga”, “Igreja moderna”, “Toda honra” e “É a fé”, são os temas do disco.
As músicas foram grava-das nos estúdios MDC por Bijou e na Casa da Música por Guiorra, misturadas e masterizadas por Camufingo. O álbum foi editado em Portugal pela Mastercd.
De acordo com Seek, um dos integrantes do trio, o grupo utiliza o hip hop com o objectivo de evangelizar a sociedade. “Os Alaridos dedicam este disco a todos os homens e mulheres de Deus, que fazem de Cristo o seu caminho para a construção de uma sociedade sã”, disse.
Depois da sessão de venda e assinatura de autógrafos na Praça da Independência, os Alaridos têm em agenda uma campanha de divulgação do disco em várias igrejas de Luanda, assim como deslocações a alguns províncias, com destaque para o Huambo e Huíla, regiões onde foram bem aceites com o lançamento do primeiro disco, intitulado “A bússola”, que comporta 14 músicas, editado em 2008. O grupo também gravou os maxi singles Inédito (2006) e É a fé (2014).
O trio é formado por Velho Nascimento Oliveira “Djel P”, Silveiro Armando “Seek” e António Antunes “Antunes”, naturais da província do Cuanza Sul. Surgiu no panorama musical a 16 de Fevereiro 2002, com o objectivo de espalhar o evangelho.

Tempo

Multimédia