Desporto

1º de Maio e Benfica disputam últimas vagas para o “Gira”

António de Brito

Com o Ferrovia do Huambo a garantir de forma antecipada a qualificação inédita, as formações do 1º de Maio de Benguela e do Benfica do Lubango protagonizam hoje às 15h30, no Estádio Edelfride da Costa Palhares “Miau”, o jogo de cartaz da 16ª jornada do Zonal de Apuramento para o Girabola’2019/20.

Fotografia: José Soares | Edições Novembro

Apostados em regressar ao escalão principal, “águias” e “proletários” disputam um jogo “electrizante” e de prognóstico reservado, uma vez que ambas mantêm acesa a chama da esperança de qualificação.
O 1º de Maio procura o quinto retorno na maior festa futebolística do país, após a sua desqualificação no ano passado. O Benfica, por sua vez, persegue o sétimo regresso ao convívio dos grandes clubes, depois da despromoção em 2014.
À entrada da antepenúltima jornada, o Benfica ocupa a segunda posição com 22 pontos, ao passo que o 1º de Maio aparece em quarto lugar, com 17.
Sem qualquer hipótese de confirmar presença no Girabola, o Paulo FC do Bengo, oitavo colocado com sete pontos, defronta o Jackson Garcia, quinto com 17, num jogo que se prevê bastante disputado e de resultado imprevisível.
O líder Ferrovia, com 27 pontos, descansa por imperativo de calendário, à semelhança do Domant do Bengo, sexto da tabela com 12.
Na disputa pelas duas últimas vagas do campeonato, quatro equipas estão envolvidas, designadamente Benfica do Lubango, Wiliete, 1º de Maio e Jackson Garcia (Benguela). Dos clubes participantes, com excepção do Paulo FC do Bengo, Wiliete, Jackson Garcia e Ferrovia, as restantes já competiram no Girabola, casos do Benfica do Lubango, Domant do Bengo,1º de Maio e Sporting, ambas de Benguela.
Depois da subida do Ferrovia do Huambo, o técnico João Pintar espera que a direcção do clube crie as condições necessárias, de modo a suportar a participação da equipa na I Divisão. “O Girabola é uma competição bastante exigente e onerosa. O Ferrovia tem de estar bem, tanto financeiramente, quanto ao nível de plantel.”

Tempo

Multimédia