Desporto

Angolanas garantem meias-finais da Taça

O Petro de Luanda apurou-se ontem para as meias-finais da Taça de África dos Vencedores das Taças de Andebol, que decorre até ao próximo domingo, no Cairo, Egipto, ao vencer o Al Ahly, por 27-17. As petrolíferas foram as primeiras a entrar em cena, às 13h00 locais (menos uma em Angola), na sala número dois do pavilhão do Al Ahly.

Tricolores e militares podem defrontrar-se na final da prova
Fotografia: Kindala Manuel | Edições Novembro

O domínio angolano na prova feminina ficou confirmado horas depois com a vitória do 1º de Agosto, líder invicto da série preliminar A e actual detentor do título, sobre as costa marfinenses do Habitat HBC, por 33-12.
Apesar dos dez golos de diferença, no resultado final, as petrolíferas que este ano regressaram às competições continentais, após três anos de ausência, encontraram dificuldades inesperadas, diante da jovem e aguerrida formação egípcia.
Muito apoiado pelo seu público, o Al Ahly entrou muito concentrado e motivado pela goleada infligida na véspera às congolesas do Cara, que lhes valeu a qualificação às meias-finais. Perante a apatia petrolífera, as anfitriãs comandaram o marcador durante quase toda a primeira parte, consentindo o empate numa única ocasião (7-7 aos 23 minutos).
Até ao intervalo, o domínio continuou do lado egípcio, com o marcador a registar 9-11 a favor da equipa da casa, finda a primeira parte. O rumo dos acontecimentos mudou apenas aos dez minutos da etapa complementar, com as angolanas a empataram o jogo e aumentarem gradualmente a vantagem, até aos 27-17 finais, perante visível desgaste físico das oponentes.
Noutras partidas dos quartos de final, defrontaram-se Abó Sports do Congo Brazzaville e Heritage da RDC, com vitória por 26-21, enquanto o Fap dos Camarões derrotou as conterrâneas do Dynamique por 22-18.
Em função destes resultados, o Petro de Luanda defronta amanhã o Abó Sport, enquanto o 1º de Agosto joga com o FAP.

Tempo

Multimédia