Desporto

Antigo treinador Nicolas Berardinelli enluta futebol angolano

O antigo treinador da equipa principal de futebol do 1º de Agosto, Nicolas Berardinelli, faleceu domingo, vitima de doença, em Lisboa, Portugal, aos 74 anos, apurou o Jornal de Angola, junto de um dos membros da direcção do clube do Rio Seco.

Berardinelli conquistou, em 1979,  com a formação rubro e negra, a primeira edição do Campeonato Nacional de Futebol da I Divisão, Girabola. Depois de abandonar o treinamento, Berardinelli foi chefe da secretaria do Clube Central das Forças Armadas.
Além do craque Ndungidi Daniel, passaram pelas suas "mãos"  jogadores como Vieira Dias, Carlos Alves, Zeca Lopes, Amândio, Agostinho, Napoleão Brandão, Ângelo (já falecido), entre outros.
Nicolas foi substituído no comando técnico dos militares do Rio Seco por  Ivan Ridanovic, tendo este sido  revezado por Joaquim Diniz, o brinca na areia.
Nicolas Berardinelli era oficial superior das Forças Armadas Angolanas (FAA), com a patente de brigadeiro e estava na condição de reservista.

Tempo

Multimédia