Desporto

Atletas aprimoram técnicas de samurai

Cerca de duzentos e cinquenta judocas participaram, na última terça-feira, em Luanda, no Festival de Judo Samurai, promovido pela Associação Provincial da modalidade e uma delegação japonesa, no Clube Desportivo da Maianga.

Campeão olímpico deu exemplos de exercícios da modalidade
Fotografia: VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

O acto foi testemunhado pelo campeão olímpico de 2016, no Brasil, o japonês Toshihiko Konga. Os atletas da Academia Naval procederam a cerimónia de abertura com exibições de técnicas nage-no-kata (formas de arremesso) e nage-waza (projecção), com cadência de música.
Com o objectivo de juntar a família da modalidade e dar maior visibilidade ao número de praticantes, após a exibição o campeão olímpico apresentou-se na quadra com uma venda no rosto.
Durante o festival, ToshihiKo Konda brindou os presentes com actuações de aquecimento de saída, e apresentou as técnicas do judo praticado no Japão. Konda disputou ainda três combates com os judocas Fábio Gomes, Fábio Santana e Nelson Cândido, ambos da Academia Naval.
Hane-goshi, morote-seio-nage  e ipon-seio-nage (técnicas de arremesso ou ataque) foram apresentadas durante o duelo. Um dos momentos alto da actividade foi quando o campeão tirou a venda do rosto para satisfazer a curiosidade dos presentes.
Em declarações ao Jornal de Angola, o judoca japonês, praticante há 44 anos, explicou que ficou surpreendido com a moldura humana que compareceu ao local da actividade. “Estou feliz por estar aqui, no sentido de partilhar a minha experiência. Os judocas angolanos estão com excelentes técnicas, e seguem as regras da modalidade. Assim, os resultados virão no futuro”, afirmou o campeão olímpico.

Tempo

Multimédia