Desporto

Contas da segunda fase obrigam Libolo a vencer

Anaximandro Magalhães

O Sport Libolo e Benfica está obrigado a vencer hoje, diante do Ferroviário da Beira, de Moçambique, quando jogarem a partir das 20h15, no Pavilhão Multidisciplinar de Radès, em partida referente à quinta e última jornada do Grupo B da fase preliminar da 31.ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos sénior masculina de basquetebol.

Sport Libolo está distante dos níveis competitivos demonstrados pelo seu predecessor
Fotografia: M.Machangongo| Edições Novembro

Vergados ontem por 75-67, diante dos nigerianos do Gombe Bulls, que à entrada da referida ronda não tinham conquistado qualquer triunfo, os libolenses, terceiros classificados com seis pontos, resultantes de duas vitórias e dois desaires, têm de ganhar para deste modo assegurar presença nos quartos-de-final.
Na eventualidade de novo percalço, os calulenses às ordens do angolano Raul Duarte falham o objectivo alcançado pelo Recreativo do Libolo, vencedor da Taça em 2014, sob o comando do português Norberto Alves, clube ao qual adquiriu os direitos desportivos.
Rui Campos, presidente da nova agremiação da vila de Calulo, assumiu recentemente, em declarações ao Jornal de Angola, o desejo de materializar a pretensão de conquista do título, por "termos feito algumas contratações. Estamos com uma excelente equipa, para que possamos vencer todas as competições. Essa é a nossa perspectiva".
/>Final antecipada
O desafio desta noite, diante dos moçambicanos, tem de ser encarado como uma final antecipada. Nos quatro jogos disputados com o Ferroviário, o Recreativo do Libolo venceu por margens convincentes, designadamente 91-58, em 2013, 63-52 e 76-63, em 2014. Por sua vez, o Sport Libolo suplantou os homens das locomotivas por 79-47, este ano, na disputa do Torneio Zonal.
Perspectiva-se uma partida bastante renhida entre as duas formações, sobretudo pela rivalidade proporcionada pelos moçambicanos. Em situação diferente, o Interclube já qualificado, defronta às 18h00 o Etoile Sportife de Radès, para o Grupo A.
Às 9h00, o cartaz reserva para o Grupo B, o Gombe Bulls - ASB Mazembe, às 11h15, para a série A, o Kano Pillars joga com o City Oilers, às 13h30, a Association Sportive de Salé tem pela frente o ASB New Generation, ao passo que às 15h45, o Monastir testa aptidão ante o GSP.

Tempo

Multimédia